sábado, 1 de janeiro de 2011

A caçada começou!



Fotos cortesia de Bárbara Veiga



Encontramos dois navios arpoadores na área mais oriental do santuário antártico, no limite da barreira de gelo.

Ontem, dia 31 de dezembro, o Bob Barker encontrou o navio Yushin Maru 2 numa região próxima à entrada do Mar de Ross, na Antártida. Algumas horas mais tarde nós, no Steve Irwin, encontramos outro arpoador, o Yushin Maru 1.

No fim do mesmo dia, por ordem do Capitão Paul Watson, marcamos um ponto de encontro para os nossos três navios. Nós do Steve Irwin escolhemos um ponto mais protegido do gelo e ficamos à deriva aguardando o Bob Barker e o Gojira, que estavam vindo de posições mais ao sul e ao norte, respectivamente.

O Bob Barker perseguiu o Yushin Maru 2 por um tempo. Quando mudou o curso para o ponto de encontro estabelecido, passou de perseguidor para perseguido. Nós no Steve Irwin também fomos seguidos pelo outro arpoador, o Yushin Maru 1.

Durante o encontro dos três navios da Sea Shepherd, os dois arpoadores ficaram à espreita. O Yushin Maru 3 também foi avistado ao redor durante um vôo de reconhecimento do helicóptero. Isso significa que, se os três arpoadores estão ao nosso redor e o navio fábrica não, nenhuma baleia foi morta.

Na manhã de hoje, o dia 1o de Janeiro de 2011, colocamos os navios em marcha como se estivéssemos nos dispersando. No momento certo, os três navios se voltaram para o Yushin Maru 2, o que foi o início de uma caçada épica. Os nossos barcos infláveis apareceram de surpresa ao encontro do baleeiro. O Yushin Maru 2 fugiu desesperadamente, perseguido por três navios, dois botes e um helicóptero. Eles atravessaram camadas de gelo super espessas tentando fazer com que nós nos afastássemos. O Gojira e o Bob Barker acabaram ficando mais para trás, mas nós do Steve Irwin, em uma mistura de coragem e loucura, atravessamos o gelo em velocidade máxima atrás do navio baleeiro, o mesmo que afundou o nosso interceptador Ady Gil ano passado.

Apesar de o Steve Irwin não ser um quebra-gelo, o navio está em excelentes condições e toda a tripulação está segura…e muitíssimo excitada com a injeção de adrenalina que tivemos hoje.

Uma coisa é certa: enquanto os baleeiros fogem, nenhuma baleia será sacrificada.

O recado está dado, não estamos aqui para brincadeiras…

3 comentários:

  1. Boas noticias no inicio do ano.
    estamos torcendo por vocês.
    estou divulgando essas boas noticias.
    felicidades.

    ResponderExcluir
  2. Queridos Gunter e Roberta, estamos de dedos cruzados acompanhando e torcendo por vocês. bjs Naza

    ResponderExcluir
  3. Nossa, adorei!!!!!!!!
    Muito bom começar o ano com essa notícia!!!!!

    http://direito-animal.blogspot.com

    ResponderExcluir